Textos Críticos


  • Norte, um pouco a Oeste (invenções minimalistas)
    Por Rubens Fernandes Junior Norte, um pouco a Oeste (invenções minimalistas)                             Isis Gasparini tem um olhar inquieto e aventureiro. Esta exposição, Norte, um pouco a Oeste, reúne fragmentos de três ensaios – Travessia, Vermelho e Era […]
    Read More
  • Era preciso o corpo olhar para fora
    Por Gisele Bento Fernandes * Texto curatorial realizado para a exposição individual “Era Preciso o Corpo Olhar para Fora” no Escritório de Arte Fasam, Belo Horizonte-MG.   Era preciso o corpo olhar para fora “Meu olhar é corpo” Isis Gasparini   Fotografia e dança. Linguagens da arte que parecem trilhar […]
    Read More
  • Descortino no Museu
    Por Nina Clarisse [sobre a exposição Museu mise-en-scène na Zipper Galeria, 2017] A possibilidade de ver as luzes de um céu estrelado se dá na medida em que mais escuro estiver ao nosso redor. A maior nitidez das luzes estelares é proporcional à escuridão que nos cerca. Na exposição museu […]
    Read More
  • Exposição Museu mise-en-scène
    Estar sob o regime dos dispositivos, este mesmo que nos faz­­­­ perceber que estamos numa galeria de arte e tudo o mais em que isso implica, é uma condição do jogo de pelo menos parte das exposições de arte contemporânea. Mas tomar consciência disso mobiliza algo vívido em nós? Quando […]
    Read More
  • Visões da Mona Lisa
    [Thais Rivitti, 2015 VISIT. Curatorial Art Magazine, Canadá]. Coordenação editorial Alexandre Dias Ramos Tal como milhões de turistas que visitam anualmente o museu do Louvre, Isis Gasparini realizou, em 2010, seu retrato da Monalisa. Ou melhor, Monalisas. “Le Gioconde”, em italiano, no plural, é um conjunto de três fotografias, feitas […]
    Read More
  • Revista OLD | Diáfano, Portfolio
    [OLD n. 51, 2015] Portfólio acompanhado de entrevista sobre a obra ‘Diáfano’ publicado pela revista old. ISIS GASPARINI Diáfano Isis produziu a série Diáfano durante uma residência de seis meses na Cité Internationale des Arts, em Paris. A série explora a ambiguidade na construção das mostras em alguns dos principais […]
    Read More
  • O olhar como performance
    [Ronaldo Entler , 2011. Texto publicado no site Icônica] A atividade do olhar é normalmente entendida como captação discreta e passiva dos movimentos do mundo. Mas o próprio olhar é movimento, como diz Alfredo Bosi, “com propriedades dinâmicas de energia e calor graças a seu enraizamento nos afetos e na vontade” […]
    Read More